domingo, 10 de abril de 2016

AS MIL E UMA CULPAS DA PRESIDENTA DILMA


1) Logo que começou a ascensão do preço internacional do petróleo, a Petrobras, importadora de no mínimo 30% do consumo interno, segurou o que pode o repasse ao preços aos brasileiros o que  descapitalizou a Estatal. Quando foi obrigada a repassar aos preços provocou a maior indignação do povo, paralisação e greve dos caminhoneiros. É bom observar que os USA para sanar os prejuízos do “crack imobiliário” aumentou o barril de petróleo, já que domina o mercado internacional, para fazer reserva de dólares e cobrir os prejuízos do mau desempenho interno. Com isto os USA pode salvar seus bancos e outras empresas em completa insolvência. Apesar de o efeito vir de fora, “para os interessados” a culpa foi totalmente da Dilma.

2) Em face do problema climático e redução das águas dos rios, o Governo foi obrigado, em regime de urgência, por em funcionamento as Termoelétricas, mais caras, com mais ônus aos empresários e ao povo em geral, por isto os custos tiveram de ser repassados aos consumidores. Mas, a culpa foi só da Dilma que não previu que as chuvas iriam diminuir a mando de DEUS ou desencadeado pelo homem em face do “efeito estufa” que alterou o regime das chuvas.

3) O aumento dos preços internos dispararam não em face da inflação, mas de forma contrária, a ascensão das alíquotas do ICMS foi que disparou o aumento dos preços para compensar a queda da arrecadação dos Estados. Para que todos tenham uma ideia só aqui no Paraná mais de 98.000 mil itens de produtos, em especial alimentos, foram aumentados em alíquotas que variaram de 13 a 26%, mais o IPVA que teve um aumento substancial. Não satisfeito com isso, o Gov. Beto Richa (PMDB-PR), além de não dar aumento aos Professores, autorizou a PM dar “tiros de borracha” nos Mestres e, de quebra ainda sequestrou seu Fundo Previdenciário de 20 anos. Mas, foi a Dilma a culpada porque os aumentos, embora tenha sido para os Estados aumentar a arrecadação e fortalecer “seus Caixas”. Para o povo influenciado pela Mídia foram as propinas da Operação Lava-Jato e a crise da Petrobras é que disparou o aumento do “custo de vida”, sendo tal situação alardeada em todos os Jornais e TVs Nacionais e Internacionais.

4) Com visto, o aumento do Custo de Vida (Luz, alimento, impostos, petróleo, tarifas de ônibus... etc.) o povo se obrigou a comprar menos, consequentemente reduzindo as receitas das empresas, em consequência o PIB do país recuou e provocou a Recessão.

5) Com a baixa do “Poder Aquisitivo” o povo em massa se obrigou recorrer a empréstimos. Preocupada com a inflação a Presidenta Dilma, por recomendação do economês Levy (hoje no Banco Mundial! Pode?) aumentou o Juro SELIC nas alturas prejudicando as atividades empresariais e o desenvolvimento econômico do país, elevando a especulação com do dólar ao bater em R$ 4,00, ao que toda culpa “com exultação” foi lhe atribuída.
5) Com a inflação e a recessão juntas e simultânea tivemos a “estagflação” que são os piores efeitos econômicos de um país. O baixo “Poder Aquisitivo” do povo por um lado, as atividades empresariais recessivas por outro, trouxe a queda do PIB (Produto Interno Bruto) que mede o desempenho econômico de um país num dado período. Já tivemos inúmeros Governos ruinosos no país, como o de Collor, Sarney e outros, mas seu “pecado mortal” foi o de provocar o mais  “desemprego” da “história deste país”, embora tenha gerado no período de 12 anos a empregabilidade nunca vista.

6) Embora o Governo Dilma, não tenha interferido na Polícia Federal e nem retaliado a PGR (Procuradoria Geral da Republica) em tarefas cotidianas como o fez um Governo anterior, mesmo em período de crise econômica internacional, por que a Operação Lava-Jato expôs dezenas e até centenas de escândalos, a culpa é toda da Presidenta, já que a Câmara Federal foi obrigada a paralisar o país com as providencias necessárias para levar a cabo o seu “impeachment”;

7) A Câmara Federal, por seu Presidente comprovadamente (através de documentos) corrupto, imoral e concussionário, mas protegido por seus pares, apressa (por encomenda) em dar seguimento aos trâmites do Impedimento, já que, apostam, em sendo o Vice-Presidente da República (com os votos da Dilma) do PMDB herdeiro da Presidência, todos os processos de políticos deste e do PSDB certamente serão arquivados, quando não extintos.

8) O que se observa, numa atitude de descaso e até de cinismo é que nenhum partido, por seus componentes, que apoia o “Impeachment” faz menção da absoluta impossibilidade por “credibilidade e moral zero” do Presidente da Câmara para presidir a Casa e, muito menos, para coordenar os trabalhos necessários a essa consecução. Este é um caso específico em que o Regimento da Câmara Federal deveria prever que um presidente nestas condições deveria com urgência ser “afastado de plano” por um colegiado, sem delongas e nem burocracia.

9) Uma condição “sui-generis” em nosso país e o fato de encontrarmos Ministros do STF  defendendo desbragadamente esta ou aquela situação regimental para beneficiar esta ou aquela ala partidária. Pode? No alto Judiciário tupiniquim tudo pode, já que alguns ministros são inescrupulosos. Porque sera? Será por que estes são nomeados pelos (as) Presidentes (as) através do chamado “quinto constitucional” e pode se pronunciar politicamente? (1)
  
10) Já vi inúmeras “crises desta etiologia”, cujas “raízes do dolo” nunca foi apurado cabal e satisfatoriamente, talvez porque do tecido sócio/político enfermo, supostamente erradicado, sempre fica um resquício que virá, recorrentemente, contaminar as gerações futuras.

11) Espera aí, ó “cara pintada”, mas a Presidenta Dilma deu continuidade a construção de milhares de casas do Projeto “Minha Casa, Minha Vida”; criou milhares de vagas no PróUni e no Pronatec; erradicou a miséria e a fome de milhares de brasileiros com o “Programa Fome Zero” e ainda espalhou milhares de médicos pelo interior do país, isto não conta? Não PTzada, a Presidenta Dilma, embora não tenha “Conta na Suíça”, não tenha enriquecido ilicitamente, nem tampouco usou Jatinho para transplante de cabelos ou tenha jantado com a família num finíssimo restaurante em Paris a 10 mil Dolores; suas “Pedaladas” (que não é de bicicleta pelas manhãs antes de ir p’ro Planalto), mas apenas problemas técnico/orçamentários e não de crime financeiro, já que “não tirou dinheiro e nem deixou roubo” p’ra ninguém, mas ela foi eleita com dinheiro de propina! Quem não recebeu doações de dinheiro de "caixa2" das empresas para fazer campanha? Foi só o PT "cara pintada"? Na minha humilde opinião o país está precisando urgentemente de uma limpeza geral. Então porque não aproveitamos as eleições municipais deste ano (2016) e transformemo-las em gerais para ver o que vai ser purificado para fazermos todas a Reformas estruturais do país?
   
12) Será mesmo que podemos atribuir “todas culpas” ao PT e a seus integrantes, já que viemos de um Estado “historicamente desorganizado e imoral”, antes (as leis criminais não eram aplicadas) e de depois de leis apropriadamente sancionadas (LIA e LRF) (2) para recepcionar os que caíram nas “leis dos inimigos”?

“Para os amigos apenas a lei; para os inimigos o rigor da lei” (Autor desconhecido)


(2) LIA (Lei de Improbidade Administrativa – L. 84299/92) e LRF (Lei de Responsabilidade Fiscal – LC 101/2000)

Um comentário:

  1. E aí "cara pintada" não vai me fazer o favor de me contestar?

    ResponderExcluir